18 dezembro 2009

pirogravura: história

Propriedade de Pingos do Céu

Pirogravura é a palavra que deriva das palavras gregas pur (fogo) e grafia (sentido escrito).
Após a descoberta do fogo, é possivel que o Homem Primitivo tenha utilizado o mesmo para desenhar nas paredes das suas cavernas. Mais tarde, utilizou esta mesma técnica para a decoração dos seus artefactos. Exemplos desta utilização são as cabaças secas usadas como vasos domésticos.
Segundo Kathleen Menendez do E-Museu de Arte Pyrographic, a peça mais antiga e decorada com a técnica de pirogravura remonta a uma chávena, decorada com flores e beija flores encontrada no Peru. Está datada de antes de 700 D.C.. Era importante para mim mostrá-la aqui, mas infelizmente, ainda não consegui que uma foto da peça me fosse disponibilizada.
Segundo Patricia Arnold, o mais antigo exemplo da queima de madeira foi um objecto romano que pertence ao período da ocupação da Grã-Bretanha nos séculos I e IV.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Conhecer a sua opinião é importante para nós em Pingos do Céu.
Obrigado por deixar o seu comentário.